Giles Clement é um fotógrafo de Nashville, Estados Unidos, que com suas técnicas retrata as pessoas de uma forma nada comum. Ele utiliza o tintype (fotografia tomada como positiva em uma placa de estanho fina) e ambrotype (tipo primitivo de fotografia feita por colocação de um negativo de vidro sobre um fundo escuro), duas técnicas que eram populares nas décadas de 1850 e 1860, para retratar pessoas dando um toque de antiguidade em suas fotos.

 

Giles faz seus cliques utilizando equipamentos feitos há mais de 160 anos atrás – “são de uma época em que as câmeras eram fabricadas por artesãos em pequenas lojas, e lentes eram projetadas usando réguas de cálculo, experiência e sentimento. As falhas inerentes a estes instrumentos encaixam-se perfeitamente ao meu ponto de vista de um mundo lindo e imperfeito”, afirma o artista.

 

 

Fonte: Tudo Interessante


Obs: As informações acima são de total responsabilidade da Fonte declarada. Não foram produzidas pelo Instituto Pinheiro, e estão publicadas apenas para o conhecimento do público. Não nos responsabilizamos pelo mau uso das informações aqui contidas.